phone: +351 912 241 983 | +1 347 851 0251
e-mail: info@TheRoyal45.com

Wednesday, June 17, 2009

Espanha 1-0 Iraque Confederations Cup 2009



É já no próximo dia 15 de Agosto que a Premier League dá os seus primeiros passos respectivos da época 2009/10. Assim, ficam aqui as primeiras duas jornadas a rolarem bola em terras de sua Majestade.

Sábado, 15 de Agosto

Aston Villa v Wigan 15:00

Blackburn v Man City 15:00

Bolton v Sunderland 15:00

Chelsea v Hull 15:00

Everton v Arsenal 15:00

Man Utd v Birmingham 15:00

Portsmouth v Fulham 15:00

Stoke v Burnley 15:00

Tottenham v Liverpool 15:00

Wolverhampton v West Ham 15:00


3ª Feira, 18 de Agosto

Arsenal v Bolton 19:45

Birmingham v Portsmouth 19:45

Burnley v Man Utd 19:45

Fulham v Blackburn 19:45

Hull v Tottenham 19:45

Sunderland v Chelsea 19:45

West Ham v Aston Villa 19:45

Wigan v Wolverhampton 19:45


4ª Feira, 19 de Agosto

Liverpool v Stoke 19:45

Man City v Everton 19:45


Agora, na Taça das Confederações 2009 seguimos jogo a jogo sendo que hoje, o árbitro Matthew Breeze vai ser o juíz da partida que vai opor as selecções da Espanha e do Iraque, sendo Vicente Del Bosque a orientar os espanhóis e Bora Milutinovic é o treinador actual da selecção iraquiana.

A Espanha a apresentar o seu habitual 4-4-2 com Casillas; Capdevila, Pique, Marchena, Ramos; Mata, Xavi, Alonso, Cazorla e Torres, Villa enquanto no banco de suplentes comportam as opções da rotatividade era Del Bosque com Puyol, Reina, Riera, Busquets, Guiza, Fabregas, López, Albiol, Arbeloa, David Silva e Pablo Hernández.

Já a selecção do Iraque vai apresentar um 5-4-1 distinto do 3-5-2 apresentado na primeira partida quando enfrentou a Africa do Sul. Assim, Kadhem, Kareem, Shaker, Majeed, Ali Hussein, Abbas; Mulla, Akram, Khalid, Saeed e Zahra. O banco opera com Emad, Mahmoud, Sadir, Ridha, Sabri, Talib, Habeeb, Halkard Mulla, Isam, Salah, Abu Al-Hail, Jasim e Haward.

A selecção iraquiana ocupa actualmente a posição nº77 do ranking FIFA e aparece nesta Taça das Confederações como vencedor da componente Asiática e seguimos com maior atenção o primeiro jogador iraquiano a pisar os relvados na competição da Liga dos Campeões Europeus, Hawar Mulla Mohammed representando o Anorthosis Famagusta do Chipre.

Actualmente, encontra-se já arredado da discussão para participar no próximo Mundial a realizar neste mesmo país anfitrião da Taça das Confederações. Bora Milutinovic, actual seleccionador iraquiano, detém um currículo interessante no âmbito das selecções, uma vez que este esteve presente já em 5 mundiais, sendo no caso orientando o México 86, Costa Rica 90, EUA 94, Nigéria 98 e China 2002.

A selecção espanhola por sua vez, ocupa, sem discussão, o 1º lugar do ranking FIFA e é uma das favoritas à vitória final, quer nesta Taça das Confederações, quer no próximo Mundial. Os espanhóis detém o streak de 33 jogos sem perder e o seu treinador Del Bosque é revisto na sua experiência como o treinador interino do Real Madrid que virou treinador oficial e posteriormente na Turquia tomou conta do Besiktas.

Entretanto, Cissokho falha testes médicos em Milão e a transferência acaba por ser potencialmente anulada segundo fontes próximas do jogador.

O dia 17 foi o dia que também permitiu definir contas na corrida à entrada para o Mundial de 2010 na África do Sul quando o Irão empatou 1-1 com a Coreia do Sul consagrando assim aos Sul-Coreanos a 7ª presença consecutiva em Mundiais FIFA, juntando-se, desta forma, a Japão e Austrália já qualificados.

Espanha e Iraque apresentaram uma primeira parte competitiva, porém em que se ofuscaram uma à outra e surpreendentemente a selecção Iraquiana tem dado conta de uma Espanha que tem estado uns furos abaixo das suas últimas exibições.

54 minutos e finalmente chega o aguardado golo da Espanha, 1-0 David Villa após novo cruzamento de Capdevila à medida do que foi efectuado na partida anterior e o cabeceamento do avançado do Valência no fundo das redes da selecção iraquiana que correrá agora atrás do prejuízo e consequentemente, devido a uma menor experiência, irá abrir espaços que potenciarão ataques mais perigosos por parte dos espanhóis.

Um jogo que acaba por resumir-se ao golo de Villa e em que a selecção iraquiana poderia ter tido algo a dizer na partida, caso a equipa no geral não expusesse tanta debilidade a nível individual, e que assim sendo, impossibilitou qualquer possibilidade de remontada do resultado.

Homem do jogo - Xabi Alonso

Aguarda-se o Nova Zelândia – Africa do Sul…


Copyright © 2009 Nelson Motta™ All Rights Reserved